Manutenção elétrica industrial corretiva

maio 17, 2017 0 Comentários Dentro Manutenção Industrial, Materiais Elétricos, Montagens Elétricas
Manutenção elétrica industrial corretiva
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

No último artigo, conversamos sobre a importância da manutenção preventiva, em equipamentos elétricos industriais. Nunca é demais dizer que vistorias periódicas contribuem para o andamento do trabalho sem imprevistos e de maneira segura.

No entanto, a falta da manutenção preventiva geralmente é o que causa a necessidade da manutenção corretiva, quando há indícios de anormalidades – que indicam a iminente paralisação de um aparelho – ou quando máquinas ou equipamentos apresentam problemas mais graves.

Quando isso ocorre, um profissional qualificado deve analisar a extensão do ocorrido para poder oferecer um diagnóstico assertivo, a fim de agilizar o conserto.

Como dentro de uma indústria existem diferentes tipos de máquinas que podem precisar de uma manutenção corretiva e cada uma segue um procedimento para conserto, vamos exemplificar o reparo de um transformador de potência.

A princípio, há que se retirar o transformador de operação e substituí-lo por outro compatível. Em seguida, são feitos ensaios de recebimento no reparador já na fábrica, depois, é retirada uma amostragem de óleo, desmontagem da parte ativa e inspeção geral para análise do que ocorreu.

Em alguns casos, há necessidade de trocar componentes ou consertar os mesmos para que voltem a funcionar adequadamente, como enrolamentos de alta e baixa tensão, comutadores, ligações, buchas terminais e outras partes decorrentes. Verificam-se as ligações, o sistema de comutação, as condições do núcleo magnético, remoção ou permanência dos enrolamentos e secagem da parte ativa em estufa com temperatura controlada.

Além dos procedimentos citados, ressaltamos, especificamente para transformadores, que ocorrências graves comprometem também o óleo mineral isolante. Se for o caso, é necessário substituí-lo totalmente.

Finalmente, faz-se a limpeza, montagem, enchimento com óleo, ensaios finais e preparo para transporte de volta para o local de origem. Além dos custos de reparo há que se considerar os custos de transporte, que, muitas vezes, é significativo por causa dos pesos e dimensões do equipamento.


Rafael Simião, gerente técnico da Transformadores Jundiaí

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Responder

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.